Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2013

A Lista Negra (Hate List)

Após de meses, consegui concluir a leitura de A Lista Negra da Jennifer Brown. Já tinha lido muitos comentários positivos sobre esse livro e foi o que aguçou minha curiosidade de lê-lo, o tema também me chamou atenção pois eu sempre gosto de livros que abordem o tema Bullyng.
Não sei o que aconteceu mas eu simplesmente não consegui me conectar com a história de Valerie, achei o livro muito bem escrito e bem detalhado, foi como eu imagino que pessoas que passam por esse tipo de situação se sente, mas para mim simplesmente não funcionou. Só fui me apegar a história lá no finalzinho depois de muita coisa passada pela personagem, talvez por isso eu tenha levado um tempo considerável para poder termina-lo.
SINOPSE: E se você desejasse a morte de uma pessoa e isso acontecesse? E se o assassino fosse alguém que você ama? O namorado de Valerie Leftman, Nick Levil, abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola em que estudavam. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando …

O Lado Bom Da Vida (Silver Linigns Playbook)

Livro surpreendente!! Quer dizer, nem tão surpreendente pois eu já sabia o que ia acontecer graças a ter assistido antes o filme. Mas é realmente um livro muito bom, e  você se envolve completamente no enredo e na positividade de Pat Peoples, o  perturbado marido traído, que proporciona grandes risadas ao leitor no longo da história. Muito dos lemas citados por Pat eu tentei incorporar em minhas própria vida, em determinadas situações, como o "praticar a gentileza", "elogiar e saber agradecer", e principalmente "procurar os raios de sol por trás das nuvens", coisas que nem sempre podem parecer fáceis, mas que com um esforço você consegue enxergar. Mathew Quick passou uma veracidade e intensidade gigante ao seu livro, e que a um bom tempo eu não experimentava numa leitura. O Lado Bom Da Vida é uma daquelas obras que te inspiram e que faz e pensar e relembrar trechos, não importando a quanto tempo você tenha finalizado a leitura.
Sinopse: Pat Peoples, um ex…

Cidades de Papel (Paper Towns)

John Green já é O CARA! e quando decide escrever um livro já é sinônimo de sucesso! aí ele decide ser o cara que lança um livro que cita "Canção de mim mesmo" de Walt Whitman, precisa falar mais alguma coisa? Genial, muito genial, metade do livro contem trechos da obra de Whitman, que sem querer querendo acaba contribuindo para história e nos traduz um pouco mais, a personalidade da personagem Margo.  as peripécias vividas por Quentin Jacobsen em busca da excêntrica Margo Roth Spiegleman são muito engraçadas, graças as linguagens nerd contidas no texto.  O livro passa informações interessantes a todo momento, como a própria curiosidade das cidades de papel. O final também é um ponto alto do enrendo, pois ele vai contra tudo o que se é esperado.
 Trecho do Livro:"Mas ainda há um tempo entre o momento em que as rachaduras começam a se abrir e o momento em que nós nos rompemos por completo. E é nesse intervalo que conseguimos enxergar uns aos outros, por que vemos além de …

O Teorema Katherine (An Abundance of Katherines)

John Green está ganhando cada vez mais um espaço enorme no meu coração e na minha estante de livros digitais huahua A curiosidade sobre O Teorema Katherine surgiu após a magnifica leitura de A culpa é das estrelas, o livro em si é muito fofo apesar de eu não ter entendido bulhufas nas parte de matemática, tipo, alguém me explica como o teorema funciona? huahua Cheguei com muitas expectativas nesse livro, não é um dos que eu leria pela segunda vez, mas a história chega a ser bem divertida e Geek ao mesmo tempo, duas coisas que simplesmente adoro. Eu particularmente me identifiquei com o Colin, pois assim como ele  eu sou uma prodígio, não pera brincadeira huahau eu sempre fui e ainda me sinto deslocada como ele, e também me atento a fatos que não são interessantes para a maioria das pessoas "normais".   E o que dizer sobre o Hassan? ri muito com suas tiradas e sua personalidade "desencanada".  O clima em que se passa a história, também é um dos fatores que eu apont…

Beijada Por Um Anjo 6 - Eternamente (Everafter)

Finalmente voltei aqui com o desfecho da saga atual mais melosa que tiver o prazer (ou não) de ler, na verdade eu tenho uma relação de amor e ódio com essa série, lembro que o primeiro livro Beijada por um Anjo foi lindamente perfeito para mim, li ele o tempo todo aos suspiros, "que lindo!!" "que fofo!!"  e inúmeros "own". Mas essas reações são exclusivas para a primeira história, pois os livros seguintes foram extremamente arrastados. Com o formato inicial de uma trilogia a série cumpriu bem o seu papel com os três livros iniciais e nos levou a sofrer/torcer pelo amor do anjo Tristan e a humana Ivy até aí tudo bem, mas a ideia da autora em transforma-los em uma "hexalogia" foi extremamente desnecessária, só consegui ler todos os livros graça a minha incapacidade de não finalizar algo que começo. A proposta de trazer Tristan de volta em outro corpo e a mudança de cenário que ocorreu a partir do quarto livro foram até boas e deixou a leitura agra…

O Futuro de Nós Dois ( The Future of Us)

Fazia bastante tempo desde a ultima vez que devorei um livro em menos de dois dias, e posso falar que É MUITO BOM  quando isso acontece.  O Futuro de Nós Dois chegou para mim meio que por acaso a sinopse nem me despertou tanto, o que me chamou a atenção foi o co-autor Jay Asher que me satisfez imensamente com o seu Os 13 porquês. Só por isso eu quis dar uma chance a história, que acabou sendo tão fascinante quanto sua obra anterior, adoro quando leio sobre coisas retrô e ao meu ver Jay está se tornando um perito nisso huahua. O livro é incrivelmente fofo e meche com a temática mais atual do momento a internet, mais precisamente o Facebook e como as pessoas deixam de viver no mundo real para se fixarem em um único propósito, atualizar o status no site de relacionamento que acaba afastando você das pessoas reais. Quando Emma e Josh  o descobrem na rede eles percebem que estão vendo o futuro já que em 1996 o Facebook nem existia, e um dos dois não está satisfeito com o que o esperam daqu…

Férias Infernais (Vacations from Hell)

Sem dúvidas esse livro foi uma completa decepção (exageros a parte), se eu tinha achado que Amores Infernais tinha saído da linha do Formaturas Infernais, o que dizer de Férias Infernais, sinceramente para mim perderam o foco, que ao meu ver seria acontecer eventos sobrenaturais no meio das histórias e aí vem a parte frustrante, acontece esses tais eventos, mas são muito ridículos, não te convencem em momento algum, depois desse livro, estou absolutamente relutante em ler Beijos Infernais (já não estava entusiasmada por ficar sabendo que a maioria das histórias tem como protagonistas vampiros, é sério isso? já estou completamente saturada desses sugadores de sangue). Dos cinco contos, o único menos fadigante é o ultimo: Nowhere is Safe: que tem um toque mais convincente, e na medida que você lê, vai lembrando até de clássicos como A Bruxa de Blair e A Vila Na minha ordem de preferência se é que isso é possível, estão além do ja citado:  The Law of Suspects: Apesar do inicio ser extrem…

Amores Infernais (Love is Hell)

Depois de muito tempo, consegui finalmente encontrar a continuação do meu queridíssimo e fonte de inspiração Formaturas Infernais, esse novo livro de contos eu achei mais açucarado e menos sobrenatural do que o Formaturas. Acabei de entrar em choque porque descobri (nesse instante) que não são apenas 3 livro que compões a série Hell's e sim 4 além dos já citados temos Férias Infernais e Beijos Infernais.
Voltando ao  livro lido posso falar que nem todos os contos me animaram, justamente por faltar aquela essência que o primeiro tem, não tive nenhum medo como  O buquê me proporcionou (juro, senti isso huahua), mas com certeza tive os meus preferidos. A minha ordem de preferência é:

Mais ralo que água - Fiquei fascinada com a história como a muito tempo não ficava em ler alguma coisa, achei a temática e o contexto da narrativa mega diferente e com isso é será o meu favorito.

Fan Fiction - Esse também conseguiu me conquistar, pois tipo, me identifiquei totalmente com a protagonista (b…

Guerra dos Tronos (Game Of Thrones)

Finalmente entrei no mundo de Game Of Thrones mais profundamente, após assistir a todas as temporada produzidas da série, criei coragem para ler a imponente obra de George R.R. Martin. E fiquei impressionada com a riqueza do livro, os detalhes são absurdos de tão reais, com personagens extremamente diferentes e de personalidades fortes e a forma inesperada com que os fatos acontecem de fazem se apaixonar ainda mais pelo mundo criado por esse verdadeiro gênio. A inteligência incomum de personagens como Tyrion Lannister e Petyr Baelesh fizeram com que eu gostasse ainda mais do livro.
"Nunca se esqueça de quem você é, porque é certo que o mundo não se lembrará. Faça disso sua força. Assim, não poderá ser nunca a sua fraqueza. Arme-se com esta lembrança, e ela nunca poderá ser usada para lher magoar." - Tyrion Lannister

Sinopse: Quando Eddard Stark, lorde do castelo de Winterfell, aceita a prestigiada posição de Mão do Rei oferecida pelo velho amigo, o rei Robert Baratheon, não d…

Adeus, Por Enquanto (Goodbye, For Now)

Adeus, Por Enquanto a priori tem uma sinopse muito interessante, e te faz ter vontade de lê-lo o quanto antes. O livro é dividido em 3 partes, a 1ª com o ínicio do romance de Sam e Meredith e a morte da avó dela, que a deixa bastante deprimida ao ponto do seu amado desenvolver um software que permita com a que as duas se comuniquem virtualmente. A 2ª com o sucesso comercial do programa denominado Re-pose e a 3ª com as "possíveis" consequências da formulação do programa e a ironia com que Sam se vê envolto. O romance no livro acontece de forma incrivelmente rápida, graças a genialidade de Sam na computação e sinceramente não me convenceu, não me fez ficar entusiasmada com a história, a segunda parte até que me empolgou entre uma página e outra mas, a terceira me fez ver que o livro não era nem de perto o que eu imaginava, não que seja uma leitura ruim, não é, mas ela não te conquista, a uma certa parte do livro a história chega a ser muuuuuito mórbida, pois os personagens só …

2 - Dezessete Luas (Beautiful Darkness #2)

Tenho opniões controversias sobre o rumo que a saga Beautiful Creatures tomou com o segundo volume Dezessete Luas, de umas coisas gostei, ja outras nem tanto. O livro retoma de exatamente onde Dezesseis  Luas terminou, acompanhamos Ethan assistir Lena a cada dia mais distante, graças ao impacto da morte de Macon. A incersão de novos personagens foi bastante legal, principalmente quando Liv está lá para realmente esclarecer alguns fatos do mundo conjurador, porque uma das coisas que eu não gosto é que nenhum personagem nunca esclarece nada de nada e isso é muito chato. Umas passagens realmente não me agradaram em nada, tipo, quando eles viajam pelos túneis conjuradores em busca de Lena e conveninetemente encontram outros personagens que de uma forma muito  fácil consegue resolver todos os problemas. Acho que as escritoras deixaram tudo meio confuso com isso, mas enfim, o final foi bastante recompensador, e adorei ver os imprevisiveis rumos que personagens como Ridley e Link tomaram e e…

1 - Dezesseis Luas (Beautiful Creatures #1)

Taí uma história que eu não dava nada por ela, graças as muitas comparações com a trilogia Crepúsculo (Meu, nada a ver ¬¬'). Sou poser, eu sei, só dei crédito a história, depois de assistir ao filme, o engraçado é que nem pelo trailer eu me animei, mesmo assim assisti, e já corri atrás do prejuízo eu tratei de conseguir os três primeiros volumes. Filme e livro são coisas completamente diferentes, enquanto o livro é cheio de detalhes o filme é bastante enxuto, mas sem sombra de dúvidas o filme conseguiu ser para mim (uma mera poser) muito mais encantador. O enredo é muito bom, e é legal a novidade da perspectiva ser por um garoto, é bom ler a conturbada história da Lena com a narração do Ethan. Um livro extremamente diferente, de todas as histórias de bruxaria que eu já li, sombrio e engraçado na medida exata.
Sinopse:  Ethan é um garoto normal de uma pequena cidade do sul dos Estados Unidos e totalmente atormentado por sonhos, ou melhor, pesadelos com uma garota que ele nunca conhe…

A Culpa é das Estrelas (The Fault in Our Stars)

"...Às vezes, um livro enche você de um estranho fervor religioso, e você se convence de que esse mundo despedaçado só vai se tornar inteiro de novo a menos que, e até que, todos os seres humanos o leiam" - Hazel Grace

 Alguns livros tem o privilegio de nos proporcionar uma mescla de sentimentos, mas poucos fazem isso com tanta destreza e graciosidade como A Culpa é das Estrelas. Um livro realmente lindo e emocionante, com doses de humor mais que necessárias, por tratar de um tema tão presente na vida de muitos. Jamais falarei a ninguém que o enredo é triste, pois não é.   Antes da escolha dele, eu me sentia um pouco desconfortável com a sinopse, pois achava que seria um livro extremamente mórbido, mas após muitas recomendações dei a partida e comecei a lê-lo tão rápido, que mal percebia o avanço das páginas. A história é tremendamente encantadora e apaixonante, com direito a tudo que um um bom livro possa transmitir, risos, choros, lamentações e conforto.
  O final foi bem…

Os Príncipes Encantados de Libby Manson

Achei esse livro bem "mulherzinha", o que foi ótimo para dar uma mudada de gênero comparada aos últimos títulos que li, amei essa história por achar tão parecida com a escrita da minha aclamada Meg Cabot (saudades de ler os livros dela *-*). Em Libby Manson vemos uma mulher de 27 anos, chegando ao desespero para conseguir um estereotipo de homem ideal, e fazendo de tudo para que uma relação dê certo, incluindo mudar de personalidade a cada homem diferente que conhece (impossível não se identificar com alguma situações). Gostei bastante da história e ri horrores, mas achei o livro arrastado demais, e o meu personagem (e de muitas, Nick) mal apareceu no enren do o que foi uma grande baixa para mim. Mas vale a pena ler, só pelas tiradas excelentes existentes no livro.

Trecho do livro: Não consigo entender por que me apaixono pelos errados. Jules também não. Conheço esses homens, me apaixono perdidamente, fico amiga deles na esperança equivocada de que um dia vejam o seu erro e c…

O Apanhador No Campo de Centeio (The Catcher In The Rye)

Tive três surpresas notáveis e agradabilíssimas, a 1ª foi com o modo de escrita do J.D. Salinger , a 2ª foi com a história, que foi totalmente diferente do que eu imaginava e a 3ª foi com o final. Me peguei completamente envolta com a narrativa e com as gírias dos anos 50, que compões a maioria das falas do personagem principal o Holden Caulfield, não se surpreenda com palavras como "chuchu" e "estouro" no meio das frases, na minha opinião essa forma informal da narração faz com que o encanto da história só aumente.Sempre que eu via citações sobre O Apanhador No Campo de Centeio, imaginava uma história completamente diferente, para falar a verdade, sempre imaginei ue seria uma história chata (o que se provou ser completamente o oposto). Me identifiquei muito com o Holden, um cara extremamente depressivo que se vê cansado de estar ao redor de pessoas hipócritas, fúteis e nas palavras dele "imbecis".  Muito recomendado para quem está compartilhando também, …

O Retrato de Dorian Gray (The Picture of Dorian Gray)

Cometi a  gafe de assistir ao filme sem antes terminar de ler o livro, e me arrependia a cada pagina, pois simplesmente perdi todo o encanto que eu tive em seus primeiros capítulos,  não que o filme seja ruim (Dorian muito bem representado por Ben Barnes), apenas distorceu alguns fatos (para variar), e fatos muito importantes como o desfecho da história.  Mas eu achei simplesmente deliciosa a leitura, um pouco arrastada devido ao modo de escrita, mas ainda assim, fascinante. Dorian nos conquista com sua beleza, ingenuidade e egocentrismo ( sim me identifiquei em alguns trechos). Mas não posso deixar de mencionar o meu personagem favorito o Lorde Henry Wotton, por mais que tenha sido ele a "má influência" sobre o até então ingênuo Dorian, eu não pude resistir a seus conselhos e o seu desprezo por tudo e todos, sempre com  o toque ácido de seus comentários. 
Trecho do Livro: "Eu estabeleço uma norma para diferenciar bem as pessoas. Escolho os amigos pela beleza, os conhec…

Delírio (Delirium)

Esse livro foi um verdadeiro achado, uma deliciosa surpresa na verdade, desde que li Antes que eu vá, também da Lauren Oliver, eu venho buscado encontrar Delírio e finalmente o encontrei, o que mais me fascinou nele, foi a temática até então impensada, e se encontrassem a cura do amor?, ja pensou em nunca mais sentir ciúmes?, nunca mais sofrer por desilusão amorosa? até aí tudo bem, é até uma opção válida e uma vantagem para a cura do AMOR DELIRIA NERVOSA, mas como perder o amor pelos filhos, pais e amigos? é um dos dilema abordados no enredo, o livro conta a história de Lena, uma adolescente que se apaixona meses antes de seu procedimento de cura e é exatamente aí que a história começa a fica boa, a pesar de se arrastar durante muitos capitulos a história toma rumos completamente inesperados e começa a te prender até o final, que foi estritamente angustiante. Então estou eu aqui no aguardo de Pandemônio, a continuação  desse maravilhoso enredo. Outro ponto positivo no livro são as d…

Os 13 Porquês (13 Reasons Why)

Sem duvidas esse para mim foi um livro bem impactante, a começar com a narrativa que é totalmente diferente de tudo que eu já havia lido, e como me chocou ver que eu me identifico tanto com os personagens. Os 13 porquês traz a tona um tema bastante conhecido o "bullyng" que é uma coisa que a maioria das pessoas enfrentam ou já enfrentaram ao longo da vida, juntamente com o enredo o autor nos mostra as consequências que tais atos, que podem até parecer banais mas que para algumas pessoas podem significar algo muito mais profundo. Eu sinceramente me vi nos papeis tanto da Hannah quanto do Clay. A Hannah por pensar em desistir de tudo algumas vezes, naqueles momentos em que tudo da errado e você se vê pensando em saídas nem sempre convencionais e o Clay sendo tão fraco e não lutando por aquilo que ele sempre quis, por medo. como ele mesmo cita na história:
- "... Não tínhamos tido essa chance porque eu tinha medo. Medo de não ter chance com você."
Os 13 porquês é um l…

As Vantagens de Ser Invisível (The Perks of Being a Wallflower)

"...Sempre acho que um livro é meu favorito até ler outro" - Charlie

As vantagens de ser invisível para mim, chegou como uma deliciosa surpresa. Após ter assistido ao filme, senti uma vontade inexplicável de me aprofundar ainda mais a história de Charlie, que me mostrou no livro ser um personagem completamente apaixonante, com sua sensibilidade aflorada. O modo como o livro é narrado é ainda mais especial, pois acontece por meio de cartas que Charlie envia ao "amigo" relatando como é sua vida, seus problemas, seu altruísmo fora dos padrões e seus personagens incríveis  Esse livro faz com que você se sinta parte da história pois o personagem adicional que se insere no enredo, é você, no papel do receptor das cartas, a uma certa altura, eu me senti o amigo dele e me solidarizei com suas emoções e medos. As músicas citadas ao decorrer da narrativa é um verdadeiro presente para quem lê-lo (aconselho muito ler e ouvir a Charlie's Playlist), pois faz com que realment…

Beijada Por um Anjo 5 - Revelações (Everlasting)

Dando procedência a saga Beijada por um anjo, estou aqui mais uma vez, eu achei o antecessor a esse bem mais interessante, no meu ver essa serie esta se estendendo demais e espero sinceramente que a autora encerre os livros no volume 6 e costure todos os pontos soltos. A história de Ivy e Tristan é bem interessante, e linda, mas acho que já deu o que tinha que dar (mesmo assim não consigo deixar de lê-lo huahua) essa nova fase da história consegue se bem melhor do que a trilogia original, com reviravoltas inesperadas e um final surpreendente.

Sinopse: Depois que Ivy descobre que Tristan está no corpo do assassino Luke, a vida deles toma um outro rumo. Tristan se esconde da polícia e Ivy não sabe onde localiza-lo. Para piorar as coisas, Beth está cada vez mais distante e estranha, e só Ivy sabe o que realmente está acontecendo com ela. Ao descobrir o paradeiro de Tristan, Ivy não se contém e corre para le, apesar do risco de ver seu amor descoberto. Para conquistar sua liberdade, Trista…

Beijada Por Um Anjo 4 - Destinos Cruzados (Evercrossed)

Eu tive um longo intervalo para dar continuidade ao 4 volume da saga de Elizabeth Chandler
e hoje volto aqui para mais uma analise da serie Beijada Por Um Anjo.
Sinceramente, esse foi o primeiro livro da história de Ivy e Tristan que eu realmente gostei e me vi ansiosa para lê-lo, e não consegui mais parar até conclui-lo, ele continua meloso, é claro, mas ele nos leva a um cenário totalmente novo, e finalmente mostra uma história bem mais interessante do as de seus antecessores, acho que Chandler está acertando a mão dessa vez e pode transformar essa série já conhecida em uma coisa totalmente fantástica. Em breve relatos de suas continuações ;)

SINOPSE: Um ano se passou desde que o namorado de Ivy, Tristan, morreu. De lá para cá, ambos seguiram em frente - Tristan para o outro lado da vida e Ivy para o doce e adorável Will. Agora, ela espera somente esquecer o horror do passado, deitar-se na praia com um copo de limonada e sair com seus amigos. Mas então, um acidente de carro põe fim …

Os legados de Lorien 3 - A Ascensão dos Nove (The rise of Nine)

Primeiríssimo livro de 2013!!
Após meses de espera finalmente voltei a saga Os Legados de Lorien.
A ascensão dos Nove nos leva de volta as lutas Lorienos vs Mogadorianos com a presença agora do temido Setrákus Ra, e nos apresenta também novos membros da Garde como os Números Oito, Nove e Dez (Ella). Além dos já conhecidos Número Quatro (Jhon Smith), Seis e Sete (Marina).
  A meu ver esse foi o livro "menos bom" de toda a saga, eu achei a ação um tanto quanto limitada, não consegui pegar o espirito do livro até o seu final (onde finalmente ele voltou a pegar a manha do seus antecessores). A entrada de novos personagens deu uma boa acrescentada na história, cada um diferente a seu modo, com pontos de vistas super interessantes, e a alternância da narração entre Seis, Marina e Jhon também chega a ser um diferencia a mais. Mas com certeza vale a pena ler, e apesar dos pesares estou ansiosa para as continuações que ainda virão, afinal falta sermos apresentados ao número Cinco.

Sin…